Wynwood: uma Miami além dos Malls!

Hot News – CDH pelo Mundo
3 de fevereiro de 2015
Sexta do Branco – Especial Baile da Vogue!
6 de fevereiro de 2015

Hello, gente linda!

Aqui estou eu, ainda em solo americano, escrevendo para o Danny Hellen.

É claro que, quando a Dani Conte me convidou para assinar esse espaço, era para eu falar sobre o que eu domino, gastronomia. Hoje, porém, vou meter minha colher em prato alheio, coisa que faço sem cerimônia, porque acredito que todo mundo vai gostar. O assunto é cultura, arte de rua e, sendo gastronomia também parte do patrimônio cultural de um país, não estou pisando tão fora do meu quadrado assim, não é mesmo?

Wynwood é um bairro de Miami que está na moda, tipo… beeeeeem na moda! Era um local simples, com prédios meio abandonados, pois agora… é o local mais cool da redondeza. Cheio de galerias de arte, grafites pelas paredes de todos os locais, ganhou fama mesmo com a conclusão da obra mega bacana “Wynwood Walls”, um quarteirão de muralhas , digamos assim,  que foram pintadas e grafitadas por artistas famosos de vários países.  Um colorido maravilhoso, obras instigantes, uma festa para os olhos e a mentes inquietas.

O local tem na esquina  o Wynwood Kitchen & Bar, um restaurante pra lá de descolado, cujo interior é uma galeria de arte, tamanha a quantidade de obras espalhadas e paredes pintadas… bacanérrimo! A área externa fica nos jardins do Wynwood Walls e foi ali que sentamos para nos deliciarmos com uns appetizers. A cozinha é mexicana contemporânea (ou latina fusion), Chef Miguel Aguilar. Eu não poderia deixar de pedir nachos e guacamole, porque a mistura de sabores e o cilantro daqui (coentro) tem um sabor inigualável. Pedimos também “queso frito”, esse escândalo que vem com um molho aioli e chorizo. Espia:

WINWOOD_FOOD

As porções são absurdas, uma característica americana, aliás. Imagina, para sobrar… E o almoço foi esse mesmo… acabou nas entradinhas.

Mas o bairro conta com vários outros restaurantes descolados, que ainda não consegui provar. Li a respeito, inclusive que o artista brasileiro Kobra pintou a fachada de um deles. Luxo, heim?

Por todo o bairro há obras nas paredes, desde escritórios a oficinas mecânicas, um prédio mais lindo que o outro. Nos deparamos com duas cenas insólitas e sequenciadas: um shooting de moda na rua e, logo a seguir, transito parado, 3 ou 4 seguranças mandando gesticulando “stop” , segurando, inclusive, quem andava a pé. Carros  com refletores, gruas, filmadoras, um corre-corre… Sim, estavam fazendo um filme publicitário também! Faz ideia do que é de lindo o lugar? De como é hype?

Aí virou piada e fizeram um shooting meu também, mas vou dar a canja de uma foto só, porque a obra merece (falo da parede):

IMG_1824

Por tudo se respira arte e, por mais incrível que pareça, embora tenha gente jovem e moderninha por lá, o loclal fica lotado de pessoas na faixa dos 40 anos, gente” fina, elegante e sincera” , muito a fim de consumir arte. E adivinha quem tem o seu mega estúdio ali? Sim, Romero Brito, desde as eras em que não imaginava que Wyinwood seria o que é hoje (ou será que imaginava?), e nem tinha a fama que tem. Aliás, os irmãos OsGêmeos tem obra na rua, assim como outros tantos artistas grafiteiros.

É que Wynwood está para Miami, tal qual o Brooklyn de hoje e o Soho de ontem estão para New York, sabe? Ou, como li uma comparação mais nossa, numa publicação nacional, como Vila Madalena está para São Paulo.

A comparação está super bem feita.

Teria tanto para falar, mas você precisa ver!!! Para quem não conhece nenhuma das cidades, depois dá uma espiada nas fotos (galeria) e se encante a vontade.

Também, pode ver mais no site do espaço www.wynwoodwalls.com.

Fiz até um mini vídeo!

Posso recomendar uma lista dos  meus 10 restaurantes preferidos  daqui, de lojinhas bacanas, fora ou dentro dos Malls (porque a gente se rende, né?)  mas se você tiver um único dia em Miami e não for louco por praia (se for, se jogue para Miami Beach e tudo certo), não deixe de ir até Wynwood. É surpreendente!

Eu, mega recomendo!

Xo Xo,

Zucca

 

 

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

1 Comentário

  1. […] específico sobre este bairro bacanérrimo que respira arte e cultura e que você pode acessar  AQUI HABITUÉS DANNYHELLEN,  fui duas vezes… Também é obrigatório, para quem não é viciado em compras, a vista a […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *