A Arte de Lavar Roupa, Você Domina?

Selfie, afinal pra quê mesmo?
10 de dezembro de 2014
Fui Assim na Balada do Shopping
12 de dezembro de 2014

Gente, lavar roupa é uma arte que nem todo mundo domina! Ainda mais hoje em que os tecidos ultra tecnológicos apresentam novas composições. A profusão interminável de produtos dedicados aos mais diversos tipos de roupas deixam tudo ainda mais confuso.

Nós, amantes de moda, precisamos aprender a cuidar dos tecidos para que eles durem o máximo de tempo possível, né?

Vamos tentar decifrar este enigma começando por aqueles símbolos intermináveis que aparecem nas etiquetas. Eles parecem estar ali para bonito, mas a verdade é que são o caminho das pedras para as nossas amadas roupinhas durarem eternamente no armário. E não é bobagem não, viu? A tal simbologia é regulamenta pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas.

SIMBOLOGIA-ETIQUETA_lavagem

Muita gente pensa que lavar à seco é a solução para todas as roupas que parecem mais delicadas ou difíceis de passar. Mas isso nem sempre é verdade e as instruções da imagem acima devem ser levadas a sério. A limpeza a seco, quando inadequada, pode manchar eternamente o tecido.

Sedas merecem um cuidado todo especial. Lave a sua à mão. Lavar a seco pode ser arriscado. Opte por produtos específicos para roupas delicadas e utilize uma pequena quantidade. Eu ando gostando do Omo para roupas delicadas. Já usei (e gostei também) um sabão de côco líquido. O negócio é colocar um pouco do produto em um balde com água fria e mergulhar a roupa, esfregar muito delicadamente o decote e enxaguar bem, mas JAMAIS torcer ou esfregar demais. Nunca use a secadora e deixe secar à sombra.

Biquínis, lingeries e outras peças com bastante elastano merecem cuidados. Água quente pode danificar demais as fibras do tecido. Deixa-los de molho pode desbotar a peça e as estampadas podem, inclusive, se “automancharem”. O ideal é lavar com sabão neutro (eu uso o bom e velho sabão de côco em barra) em água fria.

Eu costumo separar as peças, ainda, por cor e sub-cores… Muita atenção aos nudes. Eu ando na febre nude e descobri que lavar uma peça nude junto com uma peça branca pode ser uma péssima ideia. É que alguns tons de nude recebem um banho dourado e se o tecido for sintético este banho pode ser perder na água da lavagem e manchar as roupas brancas, mesmo que não seja a primeira lavagem.

Se a máquina de lavar for o amor da sua vida, vale investir nos sacos especiais para proteger as roupas delicadas. Eles realmente protegem a peça e não interferem na lavagem, mas lembre-se de que aquelas regrinhas da imagem acima continuam valendo.

Secar camisas, camisetas, casacos e até regatas penduradas em cabides tem sido a salvação da minha vida! Do varal para o guarda-roupas! Sem falar que as peças ficam muito mais direitinhas.

Muito bem, gente! Bora pro tanque! Da próxima vez conto um pouco das 89765 dicas que aprendi para tirar manchas! Já aviso que a maioria não funciona muito…hehe!

Viu só? Danny Hellen é prendada!

Beijos!

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *