Homem que é Homem…
15 de julho de 2015
Moda Gentil
3 de agosto de 2015

“Dizem que os olhos são as janelas da alma. Ao termos contato pela primeira vez com uma pessoa, é pelo seu rosto que temos as primeiras impressões sobre sua personalidade: jovialidade, maturidade, bom humor, seriedade, beleza, cuidado. Em tempos de selfies e busca cada vez maior pelo bem estar e autoestima, o cuidado com a nossa aparência facial é uma preocupação constante.

Quando falamos em cirurgia plástica da face, existem os procedimentos estéticos ancilares, ou seja, complementares, também chamados de não invasivos. São grandes aliados das cirurgias plásticas estéticas pois podem ser usados isoladamente ou em conjunto com a cirurgia de lifting facial (ritidoplastia). 

O mais conhecido deles é a toxina botulínica: o botox. Normalmente é utilizado para tratar as ritides faciais (rugas) em mulheres de meia idade. Porém atualmente também é indicado para prevenir as rugas em mulheres jovens. Geralmente são aplicados na fronte (testa) e região periorbital (pés-de-galinha). O botox hoje não é mais temido por oferecer um resultado artificial, pelo contrário, aplicado corretamente deixa um efeito natural em homens e mulheres. Por ser um tratamento “leve”, o efeito dura em média seis meses dependendo de cada caso. 

Já para tratar as depressões ou irregularidades maiores da face é usado o ácido hialurônico ou preenchimento facial. O preenchimento facial suaviza o aumento do volume nas regiões malares (maçã do rosto) e trata o sulco nasolabial (bigode chinês). Também é muito aplicado para pacientes que queiram atenuar as olheiras, melhorar o aspecto dos olhos encovados, ou olhos profundos e aumentar os lábios. 

Outro tratamento muito procurado é o Peeling Químico, que consiste na aplicação de ácidos em diferentes concentrações na região mais superficial da pele da face. Ele promove a renovação da pele, atenuando sardas e manchas cutâneas. Para um resultado perfeito há apenas duas recomendações: deve-se ter o cuidado para a não exposição solar e não aplicação de agentes de maquiagem na primeira semana após a aplicação, período em que há uma descamação da pele.  

Os produtos utilizados nos procedimentos complementares são de ação temporária, pois são totalmente absorvidos pelo organismo com o tempo. Por isso precisam ser reaplicados após alguns meses (9 a 18 meses) dependendo da região e de cada paciente.  

Todos estes procedimentos tem pontos muitos positivos: são de rápida aplicação, podem ser feitos no consultório médico, precisam de um curto tempo de recuperação, e apresentam baixíssimos índices de complicações. 

O inverno é o ápice da procura pelos procedimentos ancilares. Dizemos que a estação mais fria do ano é perfeita para esses procedimentos, pois entre os cuidados pós-operatórios estão a não exposição solar. São super recomendados para quem deseja uma melhora rápida da aparência da face e para quem não deseja se submeter a um procedimento cirúrgico maior.”

Dr. Lourenço Teixeira

Cirurgião Plástico

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *