Cem Anos de MAG

A Cara dos Anos 90
28 de setembro de 2015
Lace Up Já
6 de outubro de 2015

Na última semana a Casa Magnabosco completou 100 Anos. Isso mesmo… são CEM anos de MAG! Mas você tem ido lá?

Para comemorar o aniversário a loja recebeu o evento de lançamento da 31a edição da Revista Afrodite. Como eu produzi o desfile, decidi escrever um pouco sobre algumas observações que eu fiz ao longo dos dias em que estive dentro da loja, e que me fizeram pensar.

O que mais me chamou a atenção no comportamento das pessoas que visitaram a loja durante aqueles dias foi a surpresa: “Aquela loja que vendia tecidos agora vende marcas super respeitadas e consolidadas no mundo fashion?”. Sim. Vende!

A quantidade de pessoas surpresas me fez pensar nos nossos hábitos e na forma automática como fazemos algumas escolhas; e no quanto isso nos aprisiona. Pensei na velha mania do ser humano de achar que o que está longe é melhor e no quanto tudo isso nos coloca em constante frustração.

Abrir os olhos para ver (e ouvir) o que tem de novo ao nosso redor pode ser muito libertador. Talvez a irritante e aparentemente mal planejada obra no trânsito de Caxias resulte em algo positivo lá na frente. Talvez  fazer um caminho diferente para ir do trabalho para casa nos faça descobrir que existe uma padaria nova no bairro. Observar, olhar, exercitar o desejo de ampliar horizontes é enriquecedor. Em tempos em que valorizar o que é daqui (seja esse “aqui” onde for) virou vontade e que a moda exige consciência, temos uma crescente geração de consumidores que pensam antes de comprar e que, consequentemente, investem em experiência e em qualidade. Quem quer vender precisa se adaptar.

O MAG conta, desde janeiro de 2014, com a expertise da Tunel Design para reposicionar a marca. Com identidade visual atualizada, novas marcas e a adoção posturas modernas (como o incentivo ao autoatendimento, que deixa o cliente mais à vontade), o MAG vem trabalhando para se tornar uma boa experiência para quem procura moda além de “tecidos”. Definitivamente, a Casa Magnabosco de hoje é bem diferente daquele que eu frequentava com a minha mãe na infância.

Foi nessa fusão entre a tradição e o novo que eu me inspirei quando elaborei o styling. A escada, projetada em 1950, contrastou lindamente com as roupas jovens e sofisticadas desfiladas ali, resultando em uma estética interessante e moderna.

mag1

mag2

Na galeria tem mais imagens do desfile.

Beijos!

*Créditos de imagem: Pedro Sehbe e Revista Afrodite.

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

1 Comentário

  1. Valéria disse:

    Que legal ler tudo isso Dani! Tuas percepções são um reconhecimento necessário a esta loja tão especial…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *