MOLE HOJE E PARA SEMPRE!

PIMENTÕES RECHEADOS PARA JANTARES DE VERÃO
27 de outubro de 2015
Chanel Slingback: Amor Define
3 de novembro de 2015

Sabe amor? Conhece a Mole Bags? Eu vou contar um pouco dessa marca nova aqui de Caxias que ganhou meu amor hoje e para sempre!

A Marcia Garbin e a Fernanda Daudt são duas daquelas pessoas super inspiradas e competentes. A expertise da primeira é branding e da segunda é moda. Elas se conhecem há tempo e sempre quiseram fazer algum projeto juntas. Depois de muito coexistirem em projetos alheios a hora delas, finalmente (e para nossa sorte), chegou e elas lançaram uma marca de bolsas apaixonante: a Mole Bags!

mole2

Simplificação e atemporalidade são as palavras que definem a Mole, segundo a Marcinha (com quem deliciosamente conversei na semana passada bebendo uma tacinha). A Mole é uma bolsa literalmente mole, fluida, que veste o corpo e que tem um design limpo, atemporal, quase orgânico, que não interfere na roupa e que não entra na onda de fazer coleção para usar o que todo mundo está usando… A Mole é uma bolsa eterna.

Todas as Moles são confeccionadas em couro que as gurias escolhem pessoalmente. A Marcinha comentou que a Fer costuma dizer que o couro é vivo, que ele é eterno e que ele vai ficando melhor com o tempo. E é verdade!

O corte e o fechamento das bolsas é totalmente artesanal. As primeiras Moles foram confeccionadas em um atelier em São Leopoldo, que ainda é parceiro para desenvolvimento de moldes, corte e dublagem do couro. O fechamento e das bolsas é todo feito à mão por uma artesã caxiense que capacitará pessoas de comunidades carentes ou em situação de vulnerabilidade social para incrementar a produção – o projeto também tem cunho social.

Apesar de as Moles serem confeccionadas em couro, existe uma vontade sustentável na marca desde o início de tudo até o momento da venda. As tags são de tecidos colhidos no Banco do Vestuário de Caxias e o expositor das bolsas está sendo construído em madeira de demolição de verdade, com história. A idéia das gurias acompanha um movimento comportamental que valoriza o feito à mão e a pequena produção – e que não aparece apenas na moda.

mole1

Para o futuro a idéia é fazer parcerias com pessoas que tragam interferências artisticas interessantes.

No fim das contas a Mole Bags vem para matar a vontade de “menos” para quem está cansada do “mais” – que, convenhamos, já virou “demais”.

Quem foi no Volver – o garage sale mais bacana que eu já vi por aqui e que já tem data para repeteco, dias 3, 4 e 5 de dezembro – pôde conferir as Moles de perto. Quem não foi pode pedir a sua pelo Facebook da marca.

Eu, por minha vez, tenho muita alegria em ver nascer aqui uma marca com DNA, conteúdo e qualidade, e que tem como “mães” duas mulheres talentosíssimas.

Para não encerrar o post sem me exibir, aqui vão algumas imagens minhas com as minhas Moles xuxuzinhas lindas sem as quais não consigo mais viver.

mole

Muito amor, né?

Beijos!

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *