BOLETIM DANNY HELLEN #3

Hip-Hop de Marc Jacobs
2 de março de 2017
VELUDO SEM MEDO
22 de março de 2017

Gente, sexta linda (e quente, pelamooor!) e vai rolar o Boletim #3 porque tem assuntos que não podem esperar!

1 – DIOR: COLEÇÃO LINDÍSSIMA E ATIVISMO CLASSUDO!

Há poucas horas (sim, sou rápida, gente! haha) rolou o desfile Prêt-à-Porter da Dior em Paris. Maria Grazia Chiuri apresentou uma coleção linda e manteve sua postura ativista. Ela, que é a primeira mulher a assumir a direção criativa da Dior, levou à passarela da sua coleção de estréia a camiseta “WE SHOULD ALL BE FEMINIST”. Agora, na segunda coleção prêt-a-porter (e terceira dela na marca – teve uma Couture no meio), os convidados do desfile receberam de presente um lenço estampado com as icônicas abelhinhas da Dior e os dizeres:

“Feminista: Pessoa que acredita na igualdade social, econômica e política entre os sexos.”

Esta frase é da escritora nigeriana Chiamanda Ngozi Adichie, autora do livro cujo título estampou a camiseta, e é um tapa na cara daquele povo chato que complica até os conceitos mais simples e que acha que feminismo é agressivo e blá, blá, blá… zzzzzz (sono!). Maria Grazia parece ter sentido necessidade de traduzir a camiseta!

Na passarela, cheia de peças super usáveis, a força não apaga a delicadeza e a feminilidade em uma coleção inspirada no azul marinho. Christian Dior disse que “Dentre todas as cores, o azul-marinho é a única que sempre pode competir com o preto; ela possui as mesmas qualidades.“, e Maria Grazia Chiuri usou a cor para retratar uma verdadeira transversalidade em relação aos sexos, às idades e às classes sociais. É a cor dos reis da França, mas também a cor da roupa de trabalho, e aqui usada por mulheres fortes e femininas.

Alfaiataria pesada, denim em contraste com tules, bordados e transparências desfilados por modelos com cabelos soltos, ondulados e com acabamento perfeito, que usavam boinas de couro. Uma imagem feminina forte, mas que não perdia a delicadeza. Uma coleção linda e lotada de peças desejo! O desfile foi transmitido ao vivo pelo site, e dá para assistir a íntegra clicando AQUI!

Rihanna sentou na primeira fila, com um casaco longo azul marinho e a boina de couro.

 

2 – RIRI EM HARVARD? SIM!

E por falar nela… Rihanna recebeu o prêmio de ativista do ano de 2017 pela Universidade de Harvard. Durante a entrega do prêmio  Peter J. Gomes Humanitário do Ano, ela fez um discurso emocionado, sem deixar de lado seu jeito Rihanna de ser.

Aqui tem uma imagem com a tradução do discurso, mas não deixa de ver o vídeo!

E o menininho ao final? Fofooooo!!!

A Dior anunciou que parte dos lucros provenientes das vendas da camiseta “We Should All Be Feminists” será destinada à Clara Lionel Foundation, ONG da cantora. Bacana, né?

3 – KIKO MILANO DESEMBARCOU POR AQUI!

Siiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmm! A Kiko Milano chegou ao Brasil! Marca de cosméticos que eu super amo, abriu portas em São Paulo, no Shopping Pátio Paulista. Ainda este ano mais cinco lojas estão previstas – todas e Sampa.

Nunca usei um produto ruim da Kiko. E eu uso muitos! Mesmo os acessórios são ótimos (como o curvex, por exemplo!).

Com preços ótimos e embalagens fofíssimas, tenho certeza que vai virar paixão nacional. Estou contando os dias para abrir uma Kiko perto da gente – ou para o e-commerce deles se tornar realidade por aqui! Enquanto isso teremos que contar com amigas que circulam pelo centro do país para traficarem pra cá! Hehe!

AH! E quem ama esmaltes vai cair de amores pela marca. Eles tem linhas com 72 cores, outras com 48 cores, esmalte de todos os tipos, para todos os gostos. E tudo com preços legais se comparados às outras marcas importadas. Na galeria abaixo tem imagens com vários produtos e os preços. Eu aconselho uma espiada no site deles!

Por hoje é isso!

Beijos!

 

Dani Conte
Dani Conte
Escreve sobre moda, beleza e tendências, mas também dá seus pitacos em outros assuntos. Revisa demonicamente todos os conteúdos do blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *